Coletor menstrual: saiba quais os prós e contras do copinho absorvente - Mulheres Bem Resolvidas

Se você gostou desse Blog clique no +1:

Coletor menstrual: saiba quais os prós e contras do copinho absorvente

Ele chegou ao mercado devagarinho, deixou muitas mulheres desconfiadas, mas agora tem um número cada vez maior de adeptas.

A promessa é eliminar seu gasto mensal com absorventes e principalmente oferecer uma solução mais sustentável para o planeta. Estamos falando sobre o coletor menstrual.

Você já conhece e usa esse produto?

Se você também está cansada de comprar e usar um monte de absorventes todos os meses e também acha que as opções convencionais são desconfortáveis, prepare-se para conhecer essa alternativa.

Eu mesma já afirmei, inclusive em vídeo, que descobri que coletor menstrual é vida!

Além de usá-lo todos os meses, pesquisei bastante sobre o assunto para trazer alguns fatos importantes sobre essa opção, seus benefícios e até as desvantagens.

Ficou curiosa para saber mais? Continue a leitura!

Coletor menstrual é solução sustentável para o seu ciclo.
Clue

O que é o coletor menstrual?

É uma alternativa para a mulher que não quer mais usar os absorventes tradicionais, sejam eles externos ou internos. Trata-se de uma espécie de copinho feito de silicone medicinal hipoalergênico, ou seja, não causa alergias.

O funcionamento é simples: a mulher coloca o coletor menstrual dentro do canal vaginal, porém na entrada. O objeto pode ficar lá por até 12 horas seguidas, período em que armazena o sangue da menstruação.

Ao final desse período (ou antes, de acordo a sua vontade), a mulher retira o coletor. Ela descarta o sangue no próprio vaso sanitário, lava e insere novamente. Simples assim!

Talvez você esteja curiosa para saber qual é o tamanho e o formato do coletor menstrual. Algumas mulheres falam que ele se parece com uma tulipa, aquela flor típica da Holanda. Eu, pessoalmente, acredito que a forma é mais parecida com um desentupidor de pia, mas pequenininho.

Coletor menstrual é solução sustentável para o seu ciclo.
Femme

Quais são os benefícios do coletor menstrual?

Usar o coletor menstrual traz uma série de benefícios, tanto para a mulher quanto para o planeta. Veja quais são os principais!

1. Redução de despesas

A cada ciclo, as mulheres gastam dinheiro com absorventes internos ou externos. Esse não é um produto exatamente barato, e quem tem um fluxo mais intenso ou um período menstrual mais longo sabe que com o passar dos meses e anos essa é uma verdadeira fortuna que vai para o lixo.

O coletor menstrual reduz essa despesa. Seu custo varia entre 30, 40 ou até 50 reais, mas ele dura cerca de 10 anos. Portanto, você tem esse gasto logo no início, mas depois fica livre desse peso no seu orçamento por um longo período!

2. Redução no descarte de lixo

Existe um fato sobre os absorventes tradicionais que você talvez não saiba. Eles têm algodão, plástico e outros elementos em sua composição e essa combinação faz com que eles não sejam biodegradáveis (se decompõem facilmente na natureza) e nem recicláveis.

Por isso, embora o absorvente convencional até pareça inofensivo, essa não é a verdade. Ele demora entre 100 e 500 anos (isso mesmo!) para ser decomposto. Enquanto isso, faz parte do acúmulo de lixo, que é um sério problema para o planeta. 

Esse é outro ponto muito importante: o coletor menstrual não é descartável!

Portanto, você usa, lava, higieniza da maneira certa e guarda para usar novamente no próximo mês. O meio ambiente agradece essa gentileza!

O coletor menstrual é uma opção sustentável para o ciclo!
ReviewBox

3. Prevenção a alergias e infecções

Quando usamos o absorvente convencional, ele fica horas e horas em contato com a região genital. Ele abafa essa área, dificultando a respiração da pele. A combinação não é nada boa — nenhuma ventilação + presença de sangue + suor = proliferação de bactérias!

Por isso, muitas mulheres sentem desconfortos e coceiras nesse período. Para quem vive em regiões quentes, então, o problema se torna ainda mais grave. Isso sem contar que existem outras meninas que têm alergia ao próprio material.

O coletor menstrual acaba com todos esses problemas. Ele é colocado na entrada da vagina e não deixa o sangue ter contato com a parte externa da região genital, mas também não abafa nada e permite que sua pele respire livremente!

4. Desaparecimento do odor menstrual

Você com certeza já percebeu que a menstruação tem um odor característico, certo? E se eu te contar que, na verdade, aquele sangue eliminado não tem cheiro nenhum? Sim, é isso mesmo! Mas você vai dizer: eu sinto esse odor todos os meses! Inclusive, até o banheiro fica com aquele cheiro!

Porém, não é bem assim. O cheiro “de menstruação” só aparece quando esse material que descamou da parede do útero entra em contato com o ar. Ele coagula o sangue, causando um tipo de apodrecimento que realmente tem um odor desagradável. 

Quando a mulher usa o coletor, o sangue simplesmente não entra em contato com o ar, pois fica armazenado no copinho, dentro do canal vaginal. Assim, o cheiro desagradável simplesmente desaparece!

Coletor menstrual é solução sustentável para o seu ciclo.
TNS

5. Possibilidade de usar qualquer roupa e calcinha (ou nenhuma calcinha)

Geralmente, quando estamos menstruadas até o nosso look do dia muda. Não dá para usar uma calcinha mais estreitinha, porque o absorvente precisa de uma base mais larga para ser colocado. Assim, acabamos evitando roupas que ficam marcadas com essa peça íntima.

E não é só isso! Usar uma calça legging, por exemplo, com um absorvente externo é impraticável. Ela marca mesmo, e não gostamos dessa ideia. Com o coletor, isso não acontece. Como ele é posicionado na entrada do canal vaginal, ele não marca e não exige o uso de nenhuma calcinha maior. Aliás, você pode ficar até sem lingerie que está tudo certo!

6. Eliminação da necessidade de troca toda hora

Por essa você não esperava! Quem não conhece o coletor, acha que ele é menos seguro que o absorvente e que a possibilidade de vazamentos aumenta. Meninas, é justamente o contrário!

Esse copinho mágico “segura a onda” por muito mais tempo — até 12 horas!

O coletor menstrual pode armazenar três vezes mais sangue que um absorvente de alta absorção. Por isso, é possível ficar todas essas horas sem fazer a troca ou até mesmo dormir tranquilamente, tendo chances mínimas de vazamentos.

O coletor menstrual te traz mais liberdade!

Como colocar o coletor menstrual?

Inserir o coletor menstrual é fácil, e com um pouco de prática você conseguirá fazer isso com tranquilidade. A posição varia de acordo com a preferência da mulher, mas elas costumam dizer que têm mais facilidade para colocá-lo de cócoras, em pé (com os joelhos afastados), sentadas ou com uma das pernas levantadas, geralmente apoiadas em algum lugar. 

Também é comum as mulheres dobrarem o coletor e inserirem no canal vaginal. Como o silicone é molinho e flexível, lá dentro ele vai assumir seu formato certo e cumprir sua função de coletar o sangue direitinho.

Quais são os cuidados relacionados ao coletor menstrual?

Mas afinal, será que o coletor só tem vantagens? Todas as mulheres gostam e não relatam nenhum desconforto ou problema?

Bom, algumas das principais dificuldades estão relacionadas aos cuidados necessários com o objeto.

Diferentemente do absorvente, que você usa e joga no lixo, o coletor precisa ser higienizado, guardado e bem cuidado. Então, veja quais são as recomendações e o que acontece se elas não forem seguidas:

Escolha o tamanho adequado

Existem tamanhos diferentes de coletores, e a escolha é essencial para garantir seu conforto e evitar vazamentos.

As mulheres com mais de 30 anos ou que já tiveram gestações geralmente precisam usar um que é um pouquinho mais largo. A diferença é de apenas alguns milímetros, mas é importante para vedar bem a entrada do canal vaginal.

O coletor menstrual deve ser higienizado.
Carta Capital

Higienize seu coletor

A cada mês, quando seu fluxo começa, higienize cuidadosamente seu coletor. Para isso, será necessário fervê-lo por um período entre 5 e 8 minutos, em uma panelinha reservada apenas para essa finalidade. Essa panela não pode ser de alumínio e nem de teflon, porque as substâncias metálicas podem danificar o silicone. 

Por isso, algumas marcas já vendem o coletor com uma panelinha especial, feita de ágata. Além de não eliminar substâncias que prejudicam o silicone, elas têm a superfície lisa, o que torna a limpeza muito mais fácil.

Já existe uma marca que vende também um copo para higienização/esterilização. Segundo o fabricante, o procedimento pode ser feito no micro-ondas, em apenas 3 minutos.

Nos dias de fluxo, basta descartar o sangue, lavar o coletor com água e sabão neutro e reintroduzi-lo no canal vaginal.

Se você precisar retirá-lo em um banheiro público, onde nem sempre é possível lavá-lo, o ideal é ter outro coletor para substituir. Se isso realmente não for possível, higienize-o muito bem com um lenço umedecido ou papel higiênico. Mas ao chegar em casa, faça o procedimento correto.

Ao final do fluxo menstrual, é hora de ferver novamente seu copinho e guardá-lo em uma bolsinha ou local adequado. Portanto, como você pode perceber, a manutenção do coletor menstrual é muito simples.

A falta de higiene adequada pode causar a proliferação de bactérias.

Consequentemente, aparecerão infecções, dores e desconforto. Porém, basta tomar esses cuidados para usar seu coletor com segurança e garantir sua saúde.

Ah, e não se esqueça de lavar as mãos antes de colocá-lo e tirá-lo! Mesmo que o coletor esteja limpinho, a contaminação pode acontecer devido ao contato com bactérias que estão na sua pele, já que tocamos em uma série de lugares e podemos carregar um verdadeiro exército de microorganismos.

Há outras cores de coletor menstrual!

Posicione o coletor corretamente

Posicionar bem o coletor é outra questão importante. Se ele não estiver no lugar certinho, a mulher pode sentir dores abdominais ou desconforto. Por isso, depois de dobrá-lo e ficar na posição escolhida, você precisa relaxar para que os músculos pélvicos para facilitar o posicionamento do objeto.

Talvez você não saiba, mas o canal vaginal não fica em uma posição vertical. Então, na hora de introduzir o coletor, é preciso levar em consideração de que ele deve ficar inclinado na direção do ânus. Assim, ele estará pronto para coletar suamenstruação direitinho.

E você se lembra que eu falei que o coletor se parece um pouquinho com o desentupidor de pia?

Então, depois que o copinho é inserido na vagina, ele se abre e se molda direitinho ao canal. Isso vai garantir que ele feche bem a entrada, formando uma espécie de vácuo. Então, não se assuste se houver até um sonzinho de “ploc”.

Retire com cuidado

Justamente devido a esse vácuo, você precisa tomar cuidado na hora de retirar o coletor menstrual. Embora ele tenha um cabinho, não cometa o erro de puxá-lo por ali. Sabe aquela sensação de desentupimento de pia? Ela pode acontecer, e não será nada agradável e até mesmo doloroso.

Então, para evitar essa pressão negativa, retire o coletor da seguinte maneira:

  • Comece fazendo força com a pélvis, como se estivesse defecando;
  • Com o dedo polegar e o indicador, comece a fazer movimentos de pinça na parte de baixo do copinho para que essa movimentação elimine o vácuo;
  • Aperte o meio do copinho para que ele diminua seu tamanho e não encoste na uretra ou na bexiga.
Coletor menstrual é solução sustentável para o seu ciclo.
Clue

Mas não fique preocupada!

Esses procedimentos podem parecer um pouco complicados agora no princípio, mas rapidinho você aprenderá a técnica e não terá nenhuma dificuldade para colocar ou retirar o coletor menstrual! 

E você, já usa ou usou o coletor menstrual? Teve alguma dificuldade ou é dessas fãs que se apaixonou pelos benefícios? Conte sua experiência pra mim nos comentários!

Beijo!

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com suas amigas:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 avaliações, média: 5,00 de 5)