Beijo Grego: descubra o que é, os benefícios e o passo a passo para fazer

Se você gostou desse Blog clique no +1:

Beijo Grego: descubra o que é, os benefícios e o passo a passo para fazer

Você já sabe como é prazeroso o contato da boca com as partes íntimas durante o sexo, certo? No entanto, você já conhece ou já experimentou o beijo grego? Trata-se de beijar e acariciar com a língua o ânus do parceiro. Tem gente que torce o nariz, sente nojo e acha impensável um dia experimentar. O fato é que o sexo anal ainda é cercado por tabus e preconceitos, mas se você gosta de inovar na cama e desfrutar de novas experiências e práticas sexuais, essa opção prazerosa pode ser bastante interessante. Mas afinal, o que é realmente o verdadeiro beijo grego e como você pode praticá-lo?

beijo grego

O que é o beijo grego?

Não há mistério: o beijo grego é a prática de beijar, lamber e acariciar o ânus com a boca e a língua. Muitas pessoas podem achar que o ato é estranho ou mesmo repugnante e não podem nem imaginar prática-lo. No entanto, se for feito da maneira correta e com os devidos cuidados, pode ser um estímulo adicional para atingir o orgasmo.

O prazer é obtido através da estimulação das paredes do esfíncter anal. Nesse local se encontram muitas terminações nervosas que são capazes de produzir grande prazer se sua estimulação é realizada de maneira adequada. No caso dos homens, essas terminações se conectam com a próstata, que pode até mesmo, além do prazer, levar à ejaculação. No caso das mulheres, embora não seja tão intenso, também há conexões nervosas que se juntam à parte interna do clitóris.

Origem

As primeiras execuções do ato foram registradas na Grécia Antiga, dando origem ao nome. A prática era realizada entre homens (naquela época as orgias entre o mesmo sexo eram liberadas) como uma preliminar para o sexo anal. Ele também é conhecido como beijo negro, cunete, anilíngua, rimming…Como qualquer prática que envolve o ânus é cercado de tabus e preconceito, porém cada vez mais casais estão experimentando esse tipo de beijo especial.

Dicas para praticar o beijo grego

Comunicação

Tenha em mente que a prática do beijo grego não agrada a todos e, como sempre, a comunicação entre o casal é essencial para deixar claro se é algo que você quer fazer ou não. Durante as carícias, pergunte ao seu parceiro o que ele acha da prática e se ele quer experimentar. No caso de querer tentar, o mais aconselhável é ir pouco a pouco para avaliar se ambos gostam ou não.

Confiança

Também é importante desmistificar os riscos que são atribuídos a esta prática: se há total higiene e total confiança no casal, não há risco maior do que outras práticas sexuais realizadas sem preservativo. Por esse motivo, recomendamos não praticá-lo se não estiver com alguém da sua confiança.

Preparação para o sexo anal

O beijo grego é uma excelente maneira de dilatar o ânus e prepará-lo para o sexo anal. Os movimentos continuados da língua relaxam a área e a prepara para receber o pênis. Então se você gosta de sexo anal, o beijo grego é algo que você certamente vai gostar. Além disso, a saliva também serve como uma espécie de lubrificante natural, o que ajuda na penetração

beijo grego

Prevenção

A prevenção, como em outras questões relacionadas ao sexo, é primordial. Através do beijo negro também pode transmitir doenças sexuais como hepatite A, B ou C, herpes genital, HPV, gonorreia e até mesmo vermes intestinais. Mas fique calma e não entre em pânico! As revisões médicas comuns e o uso correto de métodos preventivos evitam que você possa contrair essas doenças.

Existem no mercado camisinhas feitas para serem usadas na língua. No entanto, elas não protegem os lábios do contato com o ânus. Para essas ocasiões, recomenda-se pegar um preservativo que pode ser masculino ou feminino, rasgá-lo e colocá-lo como se fizesse uma barreira sobre o ânus. Com isso, dá para chupar e lamber em cima do preservativo.

Higiene é fundamental

Antes de iniciar qualquer carinho, é importante fazer uma boa higienização do ânus para eliminar a quantidade máxima de resíduos, uma vez que a região está cheia de bactérias e é capaz de transmitir doenças sexualmente transmissíveis. Além disso, ninguém merece se deparar com essa região suja, não é mesmo?

Para deixar o ânus limpo, enquanto estiver no banho, afaste uma nádega da outra e deixe a água escorrer sobre o local. Aplique um pouco de sabonete neutro no ânus e esfregue com os dedos. Tome cuidado para não se machucar.

Depilação ou não?

A depilação fica a critério de cada um. Existem pessoas que gostam dos pelinhos, enquanto outros morrem de nojo de ter que lidar com eles, mas é importante destacar que quando se quer conservar os pelos, deve-se fazer uma ótima higienização. É aconselhável se depilar para garantir que o processo de lavagem e limpeza anal seja bem mais fácil.

Mistura de beijos e sexo oral

Se você se perguntar como fazer certo, a chave é misturar os movimentos da língua que você faz quando beija e quando pratica sexo oral: movimentos circulares e rápidos. Os dedos também podem ser de grande ajuda nesses casos. Basta fazê-lo lentamente para expandir a área pouco a pouco.

beijo grego

Posição

Você e se parceiro precisam encontrar uma posição agradável para ambos. A mais comum é a de 4 ou a 69. O casal também pode iniciar o ato com o sexo oral convencional e ir deslizando com beijos molhados até o ânus. Deite-o de bruços, desta forma você poderá afastar as nádegas do parceiro com as mãos e estimular a região interna do ânus, proporcionando mais prazer. Acompanhe as reações obtidas a cada carícia, os movimentos e sons de quem está recebendo o beijo grego, desta forma você poderá ir mudando de velocidade e intensidade.

Saliva

O beijo grego precisa ser bem molhado, para que você consiga movimentar a língua para vários sentidos; e para deixar seu parceiro enlouquecido de verdade, é essencial estimular o ânus para que você também consiga passar a língua na região que fica ao redor dele.

O beijo grego

Comece tocando as nádegas do seu parceiro e a área ao redor com suas mãos e dedos, para depois usar sua língua e boca para beijar a área. Depois, lamba suavemente a região erógena, deslizando a língua para cima e para baixo, alternando com movimentos circulares, procurando relaxar quem está recebendo a carícia. Acaricie a dobra do  ânus com os dedos ligeiramente e faça ligeiras pressões. Assim que sentir o parceiro mais descontraído, inicie a penetração do orifício, fazendo movimento de entra e sai, primeiro só com a pontinha da língua e depois com o restante – mas nunca use os dentes durante esse processo!

Beijos e língua

Comece dando pequenos beijos no períneo, comece a intercalar com sua língua e penetre um pouco com ela. Faça círculos com sua língua para que você possa ir com mais confiança no ânus. Lembre-se, você tem que expandi-lo, porque se você não fizer isso será muito doloroso para o seu parceiro. Não deixe os órgãos genitais de lado e use as mãos, garantindo carinhos e, se a posição permitir, masturbação.

beijo grego

Os homens também podem

Quando pensamos em anilíngua em um relacionamento heterossexual, é quase certo que é o homem que o pratica para a mulher. Nada disso! Os homens também podem receber o beijo grego, e podem gostar tanto ou mais.

Por vários preconceitos, muitos homens relutam em tocar o ânus, porque acham que isso fere a sua masculinidade. No entanto, o beijo grego também pode ser muito agradável para eles, já que a região é repleta de terminações nervosas. Se o seu parceiro pede beijos e carícias no seu ânus, você não deve ter medo … O prazer que ele sente nessa área não tem nada a ver com a sua orientação sexual.

Se você quiser praticar o beijo grego com seu parceiro, você pode começar um pouco durante o sexo oral. Vá prestando  atenção em como ele se sente a cada passo. A comunicação entre os dois é muito importante, nunca se esqueça disso.

Não é aconselhável praticar o beijo grego

  • Quando a pessoa que for receber estiver com algum problema gastrointestinal
  • Quando a pessoa que for receber estiver com gases
  • Quando a pessoa que for receber não tiver higienizado a região do ânus

Benefícios do beijo grego

  • Aumenta a intimidade do casal, pois para que ele aconteça de forma prazerosa é preciso que exista conexão entre ambos.
  • O casal sai da rotina e apimenta a relação.
  • Aumenta o tesão tanto para quem pratica quanto para quem recebe.
beijo grego

Ouse

Se você gosta de experimentar novas práticas sexuais, basta deixar o tabu de lado e ter coragem de desfrutar da sua sexualidade. Apesar de grande preconceito em torno da prática, o beijo grego pode dar muito prazer e até mesmo melhorar  o relacionamento com o seu parceiro. Não fique presa a velhos preconceitos e mitos, o importante é fazer o que você tiver vontade e ser uma mulher livre para fazer suas próprias escolhas.

Gostou do artigo de hoje? Sempre que você quiser que eu fale sobre algum tema ou responda alguma pergunta você pode me enviar por aqui, na minha página no Facebook ou no meu Instagram que eu terei o maior prazer em responder! Falando nisso, você sabia que toda semana eu gravo um vídeo tirando as dúvidas que vocês me mandam? É só entrar nas minhas redes sociais, mandar sua dúvida e marcar a hashtag #catiaresponde.

Super beijo!

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com suas amigas:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 avaliações, média: 5,00 de 5)