Término de namoro: como ficar bem depois do fim

Se você gostou desse Blog clique no +1:

Término de namoro: como ficar bem depois do fim

Terminar um relacionamento nunca é fácil porque significa que você está terminando algo que você construiu com alguém. Você está finalizando uma fase da sua vida onde você teve alguém para compartilhar suas dúvidas, sua felicidade, seus medos e seus momentos difíceis. Por isso, é mais do que normal se sentir triste e passar por momentos de dor e solidão. Porém, você não pode se entregar. Levanta a cabeça princesa, para a coroa não cair. Veja agora, algumas dicas para você ficar bem após um término de namoro.

termino

No texto de hoje vamos falar sobre:

  • Você vai sofrer
  • Superando o término de namoro
  • Dicas para ficar bem após o término de namoro
  • Sua atitude é o mais importante

Você vai sofrer

Não há como adoçar a situação: um término de namoro pode parecer um golpe físico no nosso organismo (eles não chamam de “coração partido” à toa…). Por que? É normal sentir rejeição, tristeza, vazio, mágoa, raiva. Esses sentimentos podem afetar sua saúde emocional de muitas maneiras, deixando você se sentindo esgotada de energia, deprimida e vulnerável. Você vai perdendo o interesse em sair com os amigos e te torna mais insegura sobre conhecer novas pessoas. Resultado: sua autoestima vai por água abaixo!

Superando o término de namoro

Quando você termina um namoro, provavelmente fica ouvindo Adele repetidamente, chorando em sua (terceira) taça de vinho e comendo chocolates. Embora essa fase seja uma parte importante do luto por um relacionamento, há um ponto em que você percebe que precisa seguir em frente. O único problema? É mais fácil falar do que fazer…

Superar o término do namoro pode ser algo bem difícil, porém algumas estratégias simples e saudáveis ​​podem ajudar a aliviar a dor de uma separação e fazer com que você se sinta melhor consigo mesma para poder olhar para frente.

Dicas para ficar bem após o término de namoro

Pegue suas coisas de volta

Pegue tudo o que é seu e que está com ele, especialmente as chaves da sua casa. Não porque você tem medo de sua segurança, mas porque você não quer acordar daqui a dois meses e pensar: “putz,ele ainda pode ter acesso direto à minha casa”. É um sentimento inquietante, independentemente dos termos em que vocês se separaram. Se você ainda não se sente forte para enfrentá-lo, peça a um amigo em comum para fazer isso por você.

Evite as mídias sociais

Isso parece duro, mas me ouça: você não precisa checar a vida dele e ele não precisa checar a sua. Se o término for recente, qualquer curtida ou comentário pode te machucar. Se ele estiver indo bem, você se sentirá um lixo. Se ele estiver triste, você também vai se sentir como lixo. Não há um bom resultado possível nesse cenário, então pare antes mesmo de começar. Se a tentação se tornar grande demais e você sentir a necessidade de bloqueá-lo, dê a ele um educado aviso para sua própria sanidade e depois faça isso.

Corte a comunicação

Uma vez que você  conseguiu todas as suas coisas, disse tudo o que precisava ser dito, é melhor  fazer uma pausa na comunicação com seu ex, pelo menos por enquanto. Acredite, é tentador recorrer a ele quando você estiver sofrendo, já que provavelmente se acostumou com isso no passado. Agora, porém, não é mais apropriado. Seria legal ser amigos um dia, mas só o tempo dirá quais os limites devem ser estabelecidos. Não tem como isso acontecer imediatamente sem ficar muito tóxico.

Limpe a sua casa

Jogue fora aquelas tralhas que estão no seu armário, mas que você não se desfez por qualquer motivo. Isso não apenas torna seu local mais habitável e agradável, como também é uma experiência terapêutica. É uma metáfora para limpar o seu cérebro e o seu coração.

limpeza

Compre alguma roupa íntima nova

Talvez seja algo superficial, mas pode ser muito eficiente. Há uma sensação de satisfação em ostentar lingeries novas e sexies ​​que este ser humano nunca viu e nunca verá. Experimente e me diga se estou errada.

Faça exercícios

Acompanhe um amigo para uma aula de ioga ou se inscreva em uma academia e prometa a si mesma ir algumas vezes por semana. As endorfinas liberadas durante as atividades físicas fazem você feliz. O exercício pode ajudar a evitar tendências depressivas ou ansiosas, sem mencionar o óbvio: você está solteira agora e provavelmente quer se manter em forma. Trabalhe isso.

Aproveite as coisas de que você gosta e deixou de lado por causa do seu ex

Agora é a hora de voltar a entrar em contato com todas as atividades, comida, música que você sempre adorou, mas deixou de lado porque seu ex não gostava muito. Talvez ele nunca gostou muito de você usando um esmalte vibrante. Pinte cada unha de uma cor diferente e violentamente brilhante, só porque você pode! Ele odiava Grey’s Anatomy porque achava um dramalhão chato? Faça uma maratona com um balde de pipoca do lado e divirta-se sem ter alguém reclamando do seu lado.

Inove no visual (com moderação)

Fazer um corte de cabelo pós-término é uma das melhores sensações da vida. Só não exagere muito porque pode se arrepender mais tarde. Vá a um spa, faça massagens, mude a cor do cabelo, faça uma limpeza de pele. Você pode se mimar até certo ponto e se sentir tão elegante quanto você realmente é.

Concentre-se em seus amigos

Agora é um bom momento para direcionar energia para promover amizades saudáveis. Encontre conforto nesses vínculos que não exigem que você depile certas áreas. Estas são as relações duradouras que valem a pena gastar tempo, pelo menos por enquanto.

Não descarte esses convites para conversar sobre café, fazer suas unhas ou assistir a um filme – especialmente se for uma comédia. Por quê? Pesquisas mostram que pessoas que usam o humor para combater o estresse também se sentem menos solitárias  e mais positivas sobre si mesmas. Na verdade, esses passeios simples “aumentarão seus sentimentos de serem cuidados e apoiados”.

Evite devaneios nostálgicos ou românticos

É importante se sentir triste às vezes. É um sinal de que você é humana. Porém, NÃO se entregue a essa tristeza de forma permanente. Digamos que você e seu ex costumam escutar determinadas músicas. Coloque essa música em aposentadoria temporária. Digamos que você descobriu uma camisa de flanela esquecida do seu ex e se sentiu tentada a enterrar seu rosto nela e soluçar. Literalmente jogue na lixeira. Sinta as coisas, mas não deixe a tristeza engolir você. Determine até onde seu sofrimento pode ir.

Defina um prazo para você

Você não pode evitar o processo de luto – confie em mim, isso só faz com que a dor volte em momentos inesperados. Porém, você pode evitar perder-se no sofrimento e voltar a ficar bem. Prepare-se mentalmente para realmente avançar e parar de ficar remoendo a dor do passado. Continue dizendo a si mesma que você está bem e, eventualmente, isso será verdade. Concentre-se no seu futuro. Concentre-se agora.

Trace metas

Uma ótima forma de tirar da cabeça o término do relacionamento é traçar metas. Quer emagrecer ou engordar 10 kg? Procure um nutricionista, peça ajuda e comece a correr atrás dos resultados. Você também pode traçar outras metas como entrar em um determinado curso que você já estava de olho ou até mesmo entrar para uma universidade. Você se sentirá mais útil e capacitada e terá coisas novas para preencher seu tempo.

término de namoro

Sua atitude é o mais importante

Mesmo que o término do namoro doa, o importante é você ter em mente que esse sofrimento é passageiro. Faça tudo no seu tempo, o importante é manter uma atitude positiva, mesmo nos momentos em que você sente que está fraquejando. Um dia, pode ter certeza, você vai rir de tudo isso. Você pode usar essa experiência como um impulso para crescer e se tornar uma pessoa ainda melhor e mais forte.

Você já passou por um término assim? Conte aqui como fez para superar! Não deixe de sugerir o que quer ver aqui no blog.

Super beijo!

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com suas amigas:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 avaliações, média: 5,00 de 5)