O que é microtraição e como isso pode prejudicar o seu relacionamento - Mulheres Bem Resolvidas

Se você gostou desse Blog clique no +1:

O que é microtraição e como isso pode prejudicar o seu relacionamento

Toda relação possui diversas questões que precisamos lidar, não é mesmo? E o relacionamento amoroso é um dos mais complexos! Hoje, um termo que está em uso é o da “microtraição”. Você já ouviu falar sobre isso? Então descubra o que é microtraição e como isso pode prejudicar o seu relacionamento!

No texto de hoje vamos falar sobre:

  • Afinal, o que é microtraição?
  • Como a microtraição afeta um relacionamento
  • Os 9 sinais de infidelidade e microtraição
  • Conclusão.

Afinal, o que é microtraição?

O termo microtraição pode parecer novo para muitas pessoas, porém as atitudes que permeiam esse comportamento não são. A microtraição são ações de infidelidade, mesmo que elas não sejam concretizadas carnalmente (com beijos, carícias e sexo), mas desagradam o parceiro.

Primeiramente, a traição é um dos maiores medos de muitas pessoas que estão em um relacionamento sério. E realmente essa situação pode ser muito desagradável. Entretanto, nem todas as pessoas lidam da mesma forma com isso. Enquanto para alguns não é algo tão grave, para outros a traição pode dar fim a relação.

Por exemplo, para os mais ciumentos pequenas atitudes inadequadas pode ser considerada uma microtraição.  E uma frase que cabe nesse contexto é: ”O combinado não sai caro”. Assim, se em sua relação amorosa há pequenas ações que para outros é desconfortável, mas para vocês não é; isso não é considerado traição. Ou seja, a microtraição é relativa a cada casal e o que foi combinado entre eles.

Como a microtraição afeta um relacionamento

A microtraição pode ser muito nociva para um relacionamento em que a fidelidade é imprescindível. Conheça alguns dos problemas causados por esse tipo de infidelidade:

Fantasiar uma traição do parceiro que pratica microtraição

Um problema que pode afetar uma relação com microtaição é que o parceiro que sofre com essas atitudes fica com sua insegurança em alta. Ele pode fantasiar situações, e até uma traição que pode nem acontecer. Esse cenário pode causar muito sofrimento, fazendo com que o relacionamento chegue ao fim inesperadamente – mesmo sem uma traição carnal.

Causar brigas

Um relacionamento com brigas é algo bem ruim, afinal, ninguém está com um amor para ficar sofrendo com discussões e desavenças. Contudo, as microtraições causam desconfiança, insegurança e facilitam brigas, que muitas vezes podem se tornar recorrentes, se a causa do problema não for resolvida. Geralmente, o parceiro ”traidor” precisa parar de ter essas atitudes e passar confiança para que seu amor volte a acreditar nele, fazendo com que o clima de paz volte a reinar.

Traição do parceiro inseguro

Saiba que quando deixamos o outro inseguro em uma relação amorosa, é possível que uma traição aconteça, mas não por parte de quem praticou a microtraição, e sim daquele que ficou inseguro. Por se sentir desvalorizado, ele acaba se interessando por alguém e, por fim, concretiza de forma carnal a traição.

Os 9 sinais de infidelidade e microtraição

Quer saber quais comportamentos podem ser considerados microtraições ou infidelidade? Confira!

1. Enviar mensagens para o ex

Nem sempre enviar mensagens para um ex pode ser visto como algo ruim. Pelo contrário, isso mostra que mesmo após o término uma amizade ficou. Entretanto, se as mensagens são de cunho íntimo e muito explícitas, e constantes, isso pode ser considerado uma microtraição.

Essa atitude é uma das que mais entristecem as pessoas que estão em um relacionamento. Todavia, é preciso entender os dois lados e pesar a necessidade das trocas de mensagens, pois muitas das vezes elas são indispensáveis. Por exemplo, alguns relacionamentos duraram muitos anos ou há filhos envolvidos. Nesses casos é difícil cortar os laços e deixar de se falar para sempre.

Aliás, uma dica para evitar atritos é analisar a situação. Se realmente não há nada de mais, é preciso passar confiança e tranquilidade para o parceiro. Dessa forma, se realmente houver amor entre vocês, nada mais sério pode acontecer com esse tipo de contato com o ex.

2. Curtir fotos de outras pessoas nas redes sociais

Outro comportamento que causa muito desconforto entre os casais é o uso das redes sociais. Já são bem conhecidos os casos de relacionamentos em que o uso das redes sociais causaram términos ou brigas entre o casal. Uma das ações que há maior reclamação e desconforto é o ato de curtir fotos, ainda mais se forem bonitas ou atraentes, do ex-namorado.

Pode parecer um ato sem grande importância, mas para algumas pessoas curtir ou comentar fotos de outros nas redes sociais é uma microtraição. Isso acontece porque pode indicar um interesse amoroso ou sexual na outra pessoa. Mas nem todas as pessoas pensam da mesma forma, afinal, a rede social é para manter contato e fazer amigos. Logo, curtir fotos pode ser considerado um ato natural.

3. Ter perfis em aplicativos de namoro

Os perfis em aplicativos de namoro facilitam muito a paquera, encontros casuais e até relacionamentos sérios. Mas algumas pessoas, que têm estão em um relacionamento sério, possuem perfis nesses aplicativos – e esse ato pode ser considerado uma microtraição.

Participar de um aplicativo que a finalidade é encontrar um amor ou até mesmo um encontro amoroso e sexual pode indicar infidelidade, não é? Claro que isso muda de casal para casal, mas se o relacionamento não é monogâmico, a fidelidade é um item indispensável. Assim, se seu amor possui um perfil ativo, uma boa conversa pode ajudar – caso você sinta algum incômodo com essa situação.

4. Salvar um contato com nome fictício para não ser descoberto

Esse sinal é um pouco mais explícito na microtraição. Afinal de contas, qual a razão de esconder o nome de um contato ao usar um nome fictício? Claro que tem alguns que vivem relacionamentos com pessoas muito ciumentas e abusivas, mas isso é outra questão.

Então é preciso saber se esse sinal pode ser considerado uma microtraição por algumas pessoas, pois caracteriza que esse contato não deve ser descoberto. Isso dá a entender que há outras razões, além da amizade, para manter proximidade com determinadas pessoas.

5. Olhar assiduamente o perfil de alguém nas redes sociais

Um sinal de microtraição, mas que também pode ser uma ação inofensiva para outras pessoas, é olhar o perfil de alguém nas redes sociais frequentemente. Entretanto, se isso se torna recorrente, pode ser um sinal de interesse, isto é, pode ser considerado infidelidade.

Ainda assim, o fato de manter amigos em sigilo não caracteriza traição. Muitas das vezes, um dos parceiros é ciumento obsessivo e não permite que o outro tenha amizade com determinadas pessoas. Em suma, esse é um caso que precisa ser avaliado com calma, pois nem sempre esse tipo de atitude pode ser com a intenção de consumar uma traição.

6. Constrói uma amizade sem conhecimento do parceiro

Os amigos são importantes e devem ser sempre preservados, mas construir amizades às escondidas, sem que o outro saiba, também é considerado um sinal de microtraição.

Muitos acreditam que um relacionamento deve ter transparência. Então quais as razões de ter amizades que o parceiro não saiba? Essa atitude pode gerar insegurança e levantar suspeita de traição, algo bem prejudicial a relação amorosa.

7. Usar termos e emoticons românticos para conversar com outras pessoas

A linguagem da internet é diferente da escrita formal e da comunicação do dia a dia. Porém, alguns símbolos como os emoticons podem ser considerados microtraições, quando usados de forma muito íntima, carinhosa ou romântica entre pessoas que não estão em uma relação. Esse ato, quando feito por pessoas comprometidas, causa uma certa insegurança e o medo de traição.

Mesmo assim, algumas pessoas têm um jeito mais carinhoso de conversar por mensagens, então nem sempre isso é um sinal claro de que há intenções de concretizar uma traição. Mas se isso te incomodar, é preciso conversar e entrar em um consenso sobre o uso desses símbolos para se comunicar com pessoas de fora da relação amorosa.

8. Marcar encontros com outras pessoas

Ao ter um compromisso sério, encontrar outras pessoas e sair para um barzinho, balada ou encontros, pode ser considerada uma microtraição. Resumindo, mesmo que não role nada, alguns interpretam esse tipo de encontro como algo muito íntimo e desnecessário para quem namora.

O casal que passa por isso precisa conversar e determinar o que é ou não confortável para ambos. Dessa forma, a relação será muito mais transparente e feliz.

9. Omitir fatos

Às vezes para evitar uma briga ou situações desnecessárias, alguns casais omitem fatos bobos entre eles. Essa atitude também pode ser um sinal de microtraição, e deve ser evitada sempre que puder, pois pode causar insegurança, brigas e até o término da relação.

Conclusão

Cada relacionamento é único. Assim, nem tudo que é normal para alguns, pode ser aceitável para outros. Dessa forma, o diálogo e a segurança devem ser a base da relação, permitindo que ambos fiquem cientes das vontades e limites do outro, evitando magoar ou causar situações desagradáveis para o seu amor.

Gostou de descobrir sobre o que é microtraição e como isso pode prejudicar o seu relacionamento? Então para mais dicas e conteúdos sobre o assunto, acompanhe sempre o nosso blog!

Beijo!

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com suas amigas:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 avaliações, média: 5,00 de 5)