X

05 zonas erógenas do corpo feminino

Quando se está em um relacionamento é preciso manter a chama da paixão sempre acesa, e por isso conhecer as zonas erógenas do corpo feminino é um verdadeiro despertar.

Isso é uma boa tática para, além de dar prazer, recebê-lo.

Fiz uma postagem aqui sobre as 5 zonas erógenas do corpo masculino, agora é a vez de mostrar algumas zonas erógenas do corpo feminino.

Eu sei que você é esperta e vai compartilhar esse artigo com o seu parceiro, assim, ele vai aprender na prática como te deixar arrepiada e cheia de tesão pronta para fortes emoções na cama.

Zonas Erógenas Femininas: Toque essa região pra deixar a mulher louca

O que são zonas erógenas?

As zonas erógenas são pontos de excitação ao longo do corpo que permitem sensações de prazer e excitação quando estimuladas da forma correta.

O básico você já deve saber, o clitóris na mulher, a glande no homem, são parte do corpo que possuem inúmeras terminações nervosas e, é por isso que são tão sensíveis e proporcionam tanto prazer quando estimulados, tanto com as mãos, com os lábios, com a língua ou com um acessório especial. Todo estimulo é bem vindo quando feito com carinho, não é mesmo?!

A intensidade do prazer tanto no homem quanto na mulher, podem variar de pessoa para pessoa, nos homens e nas mulheres são em locais diferentes, mas ambas são caracterizadas pela grande quantidade de vasos sanguíneos, tornando essas regiões mais sensíveis.

Para descobrir as zonas erógenas:

Para descobrir as zonas erógenas da parceira, toques suaves são mais que suficientes, sempre intercalando com um toque mais quente com as mãos, pontas dos dedos, use os lábios e a língua também.

Nessa descoberta, tudo é válido. Os produtos eróticos como os géis excitantes que esquentam e esfriam em contato com a pele são uma boa pedida ou usar uma simples pena para estimular o corpo de um jeito diferente pode ser uma boa também, além de ser uma ótima preliminar.

Essas são simples formas de descobrir o mapa do prazer de cada um. Mas é importante lembrar que a intensidade do prazer também varia muito de pessoa pra pessoa

5 zonas erógenas do corpo feminino:

  1. O pulso: Uma região com pele fina e com muitas terminações nervosas tornando o local ainda mais sensível, merecendo atenção, leves arranhões e muitos beijinhos.
  2. Atrás dos joelhos: essa é uma região pouco explorada e que pode proporcionar muito prazer. Você, boy, que estiver lendo esse artigo, teste explorar essa região com toques e beijos sutis e observe a reação da sua parceira.
  3. Parte interna da coxa: outra região bastante sensível ao toque, beijos e carícias, justamente, por conter muitas terminações nervosas se tornando uma área bastante receptiva ao toque. Movimentos simples, como deslizar os dedos de baixo para cima, já são o suficiente para provocar sensações deliciosas na mulher.
  4. Cotovelo: quem nunca bateu o cotovelo em alguma coisa e sentiu aquela dor terrível? Então, essa é mais uma  zona erógena extremamente sensível, tanto para dor quanto para o prazer. É uma parte do corpo pouco explorada nos momentos de intimidade.
  5. Nuca/orelhas: se tem uma coisa que muita muita mulher gosta é o famoso cheirinho no cangote. Esse cheirinho tem o potencial de arrepiar todos os pelinhos do corpo, e quando o  boy tem a malemolência e já sobe para o ouvido e solta aquele sussurro safado. Socoooorro… Não tem mulher que não trema na base!

Observação importante:

Eu mencionei apenas  05 zonas erógenas do corpo feminino, mas existem várias outras para você descobrir com o seu parceiro. As sensações também variam de pessoa para pessoa, então, é importante que a pessoa que estiver realizando o toque, a massagem, os beijos e carícias preste atenção nas reações da parceira, porque dependendo do local, pode causar cócegas,  e ninguém quer levar uma cotovelada ou um tapa sem querer.

Para não ter erro, busque fazer movimentos sutis e seja um bom observador para ir avançando nessa caça ao tesouro.

Pesquisa aponta zonas erógenas mais comuns no corpo feminino:

Uma pesquisa de uma universidade da África do Sul e da Inglaterra, apontou as principais zonas erógenas do corpo feminino. Foram entrevistadas mais de 800 pessoas que deram notas para diversas partes do corpo. Confira abaixo os lugares que as mulheres mais votaram:

Diferente do corpo masculino, notou-se que o corpo feminino possui mais sensibilidade em zonas erógenas, o que pode nos dar um prazer maior na hora do sexo. Então, não se esqueça desses pontos no momento certo.

Viu como é incrível perceber que o nosso corpo é uma verdadeira usina de prazer? Ele nos faz entender que o orgasmo está naturalmente em nós, basta saber os caminhos para despertá-lo de maneira correta.

A ginástica íntima te ajuda a intensificar as sensações de prazer

Conhecer o seu próprio corpo é a melhor forma de sentir prazer e alcançar o orgasmo. O autoconhecimento é algo que é desenvolvido e quando o assunto é relacionado a prazer, você só consegue evoluir explorando, se tocando, se permitindo ser tocada, conhecendo as suas zonas erógenas, para saber de fato, o que te proporciona ou não prazer.

Uma prática bastante recomendada por médicos especialistas de todos os lugares do mundo, inclusive por mim, são os exercícios de ginástica íntima (pompoarismo).

A prática proporciona vários benefícios à saúde da mulher e faz com que você possa alcançar com maior rapidez e facilidade o ápice do prazer, através da consciência corporal que os exercícios proporcionam.

Eu pratico e recebo diariamente milhares de depoimentos de alunas que relatam os benefícios que a prática de pompoarismo proporcionou a suas vidas.

  1. Trabalha no aumento da libido da mulher;
  2. Diminui a dor no momento da penetração;
  3. Dá a possibilidade de orgasmos mais intensos múltiplos;
  4. Retarda a ejaculação do parceiro por meio dos movimentos;
  5. Melhora a sua autoestima;
  6. Diminui os sintomas da menopausa;
  7. Previne infecções urinárias;
  8. Evita a flacidez vaginal e os famosos flatos vaginais;
  9. Alivia as dores das cólicas menstruais;
  10. Você aprende movimentos diferentes para fazer o parceiro pirar, apenas com os movimentos da sua vagina.

Eu mencionei 10 benefícios, mas existem vários outros e você já pode começar a praticar os exercícios baixando o meu ebook no final desse post.

Se você gostou do conteúdo, pode ser que você também queira ler esse artigo em que eu falo com maior riqueza de detalhes sobre pompoarismo, para que além de sentir, você também saiba como proporcionar mais prazer para o seu parceiro.

Até o próximo assunto e um super beijo!

Não enviamos SPAM. Ao se cadastrar você autoriza receber newsletters e informações da Cátia Damasceno.
Artigos Relativos