Os 15 tipos de traição

Se você gostou desse Blog clique no +1:

Os 15 tipos de traição

Uma das maiores dores é descobrir que foi traída. Saber que aquela pessoa em que você depositou toda a sua confiança fez algo que tem o poder de destruir um relacionamento construído por muitos anos é devastador. Porém, será que a traição é apenas quando uma pessoa faz sexo com outra pessoa? A resposta é não. Existem muitos tipos de traição, que vão muito além do sexo e podem ser bem mais complexas do que imaginamos. No texto de hoje, vamos falar sobre 15 delas e como um casal pode fazer para superá-la.

No texto de hoje,vamos abordar os seguintes tópicos

  • Traição e seus significados
  • 10 tipos de traição, segundo John Gottman
  • 5 tipos de traição, segundo a Ciência
  • Motivos para a traição
  • Como superar uma traição
  • Reconheça que o conflito é inevitável
  • Não precisa ser o fim

Traição e seus significados

Traição é um sinônimo comum de caso. Uma traição é um acordo quebrado, implícito ou explícito, considerado vital para a integridade de um relacionamento. No entanto, há muitas maneiras de trair ou de nos sentirmos traídas por nosso parceiro, que parece tão ruim quanto um caso extraconjugal.

O perigo é que nenhum deles o reconheça, jurando sua fidelidade e fugindo dos problemas conjugais. Quando, de fato, existem outras fontes de infidelidade e traição e não há nenhum tipo de ação sobre o assunto, o relacionamento pode caminhar para o divórcio.

10 Tipos de traição, segundo John Gottman

Dr. John Gottman, um dos pesquisadores acadêmicos mais respeitados no campo do casamento e da família e autor de O que faz o amor durar: como criar confiança e evitar traição, descreveu 10 maneiras de trair um parceiro além da traição sexual. Ele explica que os relacionamentos são construídos sobre o fundamento da confiança, e a erosão dela em um relacionamento começa nos momentos aparentemente mais insignificantes.

Por exemplo, você pode escolher acolher o seu parceiro ou ir para longe dele quando ele mais precisa de você (de forma consciente ou não). Escolher se afastar de alguém quando precisa de seu apoio ou atenção convida a desconfiança. Elesnão confiam mais que você estará lá para eles. Com o passar do tempo, esse afastamento constante se transforma em um sentimento de traição e, finalmente, em um casamento quebrado  que leva ao divórcio, mesmo no relacionamento não tenha havido infidelidade, de fato. Veja a seguir os comportamentos que são considerados tipos de traição.

1- Comprometimento condicional

Você ou seu parceiro estão mantendo os olhos abertos para algo “melhor”. É aquela velha história: “Eu estou aqui para você … até que algo ou alguém melhor apareça”. O parceiro não está totalmente envolvido no relacionamento e qualquer incidente pode diminuir a intimidade e o apoio que o outro receber

2- Intimidade sem sexo

Envolve um relacionamento supostamente platônico com uma terceira pessoa. Ter um amigo (no trabalho, na academia, no café) com quem você compartilha detalhes pessoais com os quais seu parceiro atual se sentiria desconfortável.

3- Mentir   

Ser desonesto irá corroer a segurança em seu relacionamento. Mesmo que se trata de mentiras para evitar conflitos, elas podem ser tóxicas. Mentiras que são pronunciadas para manter a paz são uma quebra de confiança. Se a pessoa é uma mentirosa crônica, então um psicoterapeuta pode ajudar a quebrar o hábito.

4- Aliança Contra o Parceiro   

Quando um parceiro inclui familiares ou amigos externos nas decisões, constantemente  critica o cônjuge, ou se alia com seuspais contra ele em relação aos problemas, o relacionamento pode ir se desmoronando.

Ao compartilhar reclamações pessoais sobre seu parceiro com parentes ou amigos, você pode, sem querer, intimidá-lo. É importante manter silêncio sobre conflitos conjugais e não envolver aqueles que poderão usar essas informações contra ele.

5- Ausência ou Frieza

Deixar de priorizar um ao outro em um momento de necessidade emocional pode ter um impacto devastador.  Pode ocorrer quando alguém precisa do apoio do outro (positivo ou negativo) e a pessoa não está disponível ou simplesmente não está presente. Então a pessoa que é “traída” responde com frieza, já que se sente abandonada, mas não quer dar o braço a torcer. Aqui ambos participam da traição.

frieza

6- Perda de Interesse sexual

Não existe mais atração sexual e também não há interesse em reavivar o desejo entre o casal. Pode existir uma série de razões para que o sexo não seja mais uma prioridade, porém, se elas não são ditas, pode resultar em um sentimento de traição. Essas razões incluem ocupação, estresse, imagem corporal negativa, críticas, não se sentir acalentado, impulsos sexuais incompatíveis ou problemas físicos / médicos. Quando as questões não são abordadas de maneira honesta e amorosa, a mágoa e a rejeição podem consumir o relacionamento.

7- Desrespeito

Um relacionamento amoroso não é sobre uma pessoa ter a vantagem – ésobre dar as mãos. Se um parceiro faz outra pessoa se sentir inferior, usa xingamentos frequentes, sarcasmo, sempre demonstra que têm a vantagem, ele está sendo desrespeitoso e criando o veneno da desconfiança no relacionamento.

O desrespeito pode incluir corrigir a gramática, criticar, revirar os olhos, xingamentos, insinuar a falta de inteligência e qualquer coisa para dizer como você está acima da outra pessoa. É uma forma de traição e abuso emocional.

8- Injustiça

A vida pode ser injusta, mas relacionamentos amorosos e de longo prazo devem ser refúgios contra a injustiça. Porém, a satisfação mútua em uma relação só acontece quando nenhum dos parceiros se sente aproveitado e as necessidades/desejos de ambos são atendidas igualmente. Por exemplo, gastos, divisão de trabalho ou como o tempo livre é gasto precisam de soluções mutuamente satisfatórias. A traição acontece quando uma das partes impõe suas vontades e deixa de ouvir o outro.

9- Egoísmo  

Os casais felizes entendem que, às vezes, cada um deles abrirá mão de suas próprias necessidades pelo bem comum. No entanto, o ressentimento ocorre quando o altruísmo não é mútuo, quando o parceiro se recusar a fazer sacrifícios necessários para o benefício do relacionamento ou da família (se você tiver filhos). Um comportamento centrado em si mesmo pode impactar negativamente o relacionamento.

10 – Quebrando Promessas

Um padrão de decepções em torno de promessas quebradas ou não cumpridas pode minar a confiança entre o casal. Apessoa que sempre quebra promessas pode, mesmo sem querer, enviar a mensagem: “Você não importa”.

Promessas não cumpridas podem incluir, por exemplo, sigilo ou controle de dinheiro / recursos, uma mudança de atitude combinada no início de um relacionamento (como seguir uma religião ou ter  limites com sogros) ou vício,etc.

quebrando promessas

5 tipos de traição, segundo a Ciência

De acordo com  alguns especialistas, existem cinco tipos definitivos de traição, sendo que dois deles podem até não envolver o seu parceiro. Veja quais são:

11- Traição Física

Ser fisicamente íntimo de alguém que não é seu parceiro geralmente é considerado traição, a menos que vocês estivessem dando um tempo. O nível da traição depende do que é acordado entre você e seu parceiro. Para vocês, um beijo é considerado uma traição, ou só quando duas pessoas fazem sexo?

12- Ter fantasias sexuais sobre outras pessoas

É normal fantasiar sobre as pessoas que você considera atraentes, independentemente de você estar ou não em um relacionamento. No entanto, o perigo a traição acontece quando os pensamentos sobre o jardineiro levam a um comportamento “inseguro ou desonesto”.

Em outras palavras, se suas fantasias sobre o jardineiro levarem você a gastar todo o seu tempo colhendo ervas daninhas no jardim quando seu parceiro achar que você está fazendo qualquer outra coisa, isso pode se tornar um problema.

13- Ter sentimentos amorosos por outra pessoa

Também conhecida como “infidelidade emocional”, as linhas para essa traição podem ser um pouco confusas. Essencialmente, isso se resume a ter sentimentos por outra pessoa. A infidelidade entra em jogo quando o sigilo está envolvido, ou seja, você só vê essa pessoa atrás das costas do parceiro.

Porém, alguns especialistas argumentam que esses sentimentos  só contam como infidelidade, eles precisam ser postos em prática. Se eles simplesmente permanecerem em sua cabeça, não constituiria infidelidade.

14- Gastos Financeiros

Esconder seus hábitos de consumo de sua outra metade pode ser considerado uma forma de infidelidade. A traição acontece quando tais gastos afetam o casal e, ainda assim, o traidor insiste em esconder seus gastos, seja por motivos pessoais ou profissionais.

15- Traição Virtual

Esse é um dos tipos de traição que estão se tornando cada vez mais comuns e pode ser dividida em dois tipos. A primeira é implicitamente sexual, ou seja, você gasta o tempo dando likes em posts no Instagram de ex-relacionamento ou flertando com pessoas em aplicativos de namoro.

O segundo pode ser descrito como trair seu parceiro com seu smartphone, pois você gasta mais tempo interagindo com seus seguidores da rede social de mídia social do que com ele.

No entanto, alguns especialistasafirmam que isso só pode realmente ser considerado infidelidade se houver um motivo oculto envolvido que pode levar a atividades extraconjugais, como sexting ou gastar uma quantidade desproporcional de tempo em conversas online.

traicao virtual

Motivos para a traição

As traições podem acontecer devido a diversos motivos, porém algumas podem ser explicadas de acordo com certos tipos de comportamento. Veja quais são:

  • Corriqueira – A traição acontece por uma circunstância qualquer, mas não há ligação emocional nem ligação posterior. Por exemplo, uma pessoa vai em uma festa durante uma viagem e fica com alguém.
  • Corriqueira em série- Ocorre de forma sistemática, várias vezes, porém, como não há ligação emocional, a pessoa não considera uma traição.
  • Emocional- Quando você está numa relação desgastada com alguém e se envolve emocionalmente com uma terceira pessoa.
  • Baixa-autoestima – Acontece quando alguém tem baixa autoestima, se considera feia e precisa conquistar pessoas diferentes da que está ao seu lado para se sentir atraente.
  • Ponte- Pessoas infelizes em seu relacionamento se envolvem com um outro alguém porque não tem coragem de terminar com o companheiro atual. Então a traição serve como uma ponte para a separação.
  • Necessidade do novo- Pessoas que nunca estão satisfeitas, que sempre buscam novos estímulos e traem para sentir a excitação da novidade.

Como superar uma traição

A capacidade de um relacionamento se recuperar de uma traição tem muito a ver com as resposta por parte do traidor em relação a situação. Quanto mais abertas e não defensivas forem, maior a probabilidade de haver resolução. Quando ambos os parceiros estão comprometidos, a probabilidade aumenta exponencialmente.</spanstyle=”font-weight:>

As mentiras e negações que são usadas para encobrir uma transgressão podem causar muito mais danos do que a própria traição. Mesmo que a mentira nunca seja descoberta e a ofensa não seja revelada, ainda pode haver um grande dano à fundação do relacionamento. A confiança é inevitavelmente sacrificada, mesmo quando os segredos não são detectados. A maioria, mas não todas as traições e atos de fraude, pode ser curada. Embora não haja um modelo genérico para aplicar a essas situações, existem algumas diretrizes que podem facilitar o processo de recuperação.

Reconheça que o conflito é inevitável

Conflito é uma parte natural do seu feliz para sempre. Todo relacionamento tem conflito devido a diferentes valores, crenças e filosofias da vida. Quando essas diferenças são discutidas com clareza e respeito, o casal experimenta uma maior intimidade.

conflito

Não precisa ser o fim

A maioria dos casais começa seus relacionamentos querendo que tudo funcione. Suas intenções são boas. Assim como é preciso tempo para construir confiança e segurança uns nos outros, o abalo da confiança também pode acontecer por um longo período. Saber o que fazer para fortalecer seu relacionamento, assim como sabero que pode destruí-lo  é essencial para que vocês dois construam uma relação sólida.

Os tipos de traição sexuais e emocionais são um duro golpe em um relacionamento, mas não precisa ser o fim. Os casais que têm a coragem emocional de enfrentar o problema e mudar podem criar um relacionamento muito mais significativo e íntimo após a infidelidade.

Deixe sua sugestão nas minhas redes sociais para eu escrever mais artigos para você!

➜ Instagram: https://www.instagram.com/mulheresbem…

➜ Facebook: https://www.facebook.com/mulheresbemr…

Super beijo!

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com suas amigas:

1 avaliar, média: 5,00 de 51 avaliar, média: 5,00 de 51 avaliar, média: 5,00 de 51 avaliar, média: 5,00 de 51 avaliar, média: 5,00 de 5 (1 avaliações, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *